Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Vida

Passeio Verde: Embalados pelo Tejo nos Passadiços do Alamal

Depois do encerramento em 2017 em resultado de um incêndio que dizimou grande parte da estrutura, os Passadiços do Alamal, no concelho de Gavião, abriram ao público em setembro do ano passado e encontram-se, neste momento, perfeitamente operacionais e prontos para receber caminheiros.

Com um total de 1800 metros que ligam a Praia Fluvial do Alamal à Ponte de Belver, a renovação do passadiço permite, agora, o acesso a pessoas com mobilidade condicionada e carrinhos de bebé. Tem uma inclinação ligeira de 6% que acompanha a topografia do terreno, e por isso não exige preparação física especial para ser cumprido. Calce os ténis, prepare a mochila, aventure-se pela paisagem e observe a riqueza do cenário envolvente, com patos, cegonhas e várias espécies de plantas autóctones que ajudam a refrescar o caminho, como é o caso dos sobreiros e das videiras que partilham o espaço com passifloras, espargos e amieiros. Em pano de fundo, o Castelo de Belver acompanha o passeio e convida a momentos de contemplação embalados pelo curso do rio.

Seguindo sempre as margens do Tejo, ao longo do caminho encontra ainda intactos os muros de sirga que correm ao longo do rio e que em tempos foram essenciais à navegação fluvial até ao Porto do Tejo, em Vila Velha de Ródão. Hoje a maioria está parcialmente submersa em consequência da construção do caminho-de-ferro até Abrantes e posteriormente, em 1891, com a abertura da linha da Beira Baixa.

Este ano para a a Praia Fluvial do Alamal está projetado um novo ancoradouro, e encontra-se em fase de projeto a ligação do PR1 ao PR2, ou seja um prolongamento de cinco quilómetros para ligar o Alamal, sempre na margem esquerda do Tejo, à ribeira do Vale Covo. Pode acompanhar as novidades deste percurso através da página de Facebook Caminhar no Gavião - Passadiço do Alamal.

Aproveite para conhecer esta região profundamente ligada à tradição fluvial e entregue-se ao descanso nas Casas do Almourão (Rua da Capela, Foz do Cobrão. Tel. 965869327), em Vila Velha de Ródão. Se a localização e a paisagem envolvente quase justificam a visita qualquer eventual dúvida desaparece quando se conhece o casal proprietário, Lídia e Rogério. O projeto é constituído por quatro casas em madeira, de tipologia T2 (desde €70), com cozinha totalmente equipada e salamandras para as noites frias. Nos dias amenos, nada como preguiçar na varanda e mergulhar na praia fluvial quando chegar o tempo quente. Até lá, aproveite para percorrer os diversos trilhos pedestres.

Ao jantar não vá mais longe e fique pelo restaurante Herdade da Urgueira (Vale de Pousadas, Perais Tel. 272073570. Preço médio: €20), uma daquelas boas surpresas que justificam a viagem não só pela paisagem sublime, com vista para o rio, mas sobretudo pela boa cozinha regional que tem no carré de borrego a estrela da ementa.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!