Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Vida

Passeio em Família: Na rota da Arte Contemporânea do Parque da Barquinha

Distinguido no Prémio Nacional de Arquitetura Paisagista 2007, na categoria “Espaços Exteriores de Uso Público”, o Parque da Barquinha, em Vila Nova da Barquinha, dispõe de sete hectares de espaços verdes que servem de galeria de arte moderna a céu aberto.

Alberto Carneiro, Ângela Ferreira, Carlos Nogueira, Cristina Ataíde, Fernanda Fragateiro, Joana Vasconcelos, José Pedro Croft, Pedro Cabrita Reis, Rui Chafes, Xana e Zulmiro de Carvalho assinam as obras em exposição permanente no parque, reunindo, assim, alguns dos melhores exemplares da escultura contemporânea portuguesa dos últimos 50 anos.

Com o Tejo em pano de fundo, a sugestão é que explore a área total do parque e que no fim consiga identificar todas peças e respetivos autores - para isso, encontra informação detalhada sobre os artistas, percurso criativo e uma breve explicação do trabalho em exposição. Uma boa ideia para motivar os mais pequenos é pedir-lhes que descubram onde se esconde a “casa de Lego”, que na realidade é a fachada de uma casa construída com caixas plásticas industriais e cujo nome oficial é Casa no Céu, da autoria ao artista plástico Xana, e que pretende lançar a discussão sobre os modelos sustentáveis de construção.

Além de uma agradável zona ribeirinha para descansar e apreciar a paisagem, encontra no espaço vários espaços com sombra, zona de refeições, equipamentos desportivos e uma cafetaria. Acrescente-se, ainda, que o Parque organiza ateliês gratuitos para crianças dos 5 aos 12 anos. O próximo acontece a 23 de fevereiro e tem como objetivo conduzir os mais pequenos num passeio pelas artes e estimular a criatividade com sessões de pintura e desenho livres.
A entrada no Parque da Barquinha é livre.

Onde comer
Aproveitando que está perto, não deixe escapar a experiência de sentar à mesa do restaurante Almourol e perceber que a luz do Tejo não é um exclusivo de Lisboa. Com vista privilegiada sobre o rio, as mesas colocadas ao lado das janelas panorâmicas convidam a uma refeição sem pressa e, de preferência, guiada pelas sugestões do dia. Para entreter a boca e enquanto passa os olhos pela carta de vinhos - dedicada na sua maioria à região do Tejo -, um prato de presunto exemplarmente cortado, uma travessa generosa de ovos mexidos com farinheira e pão saloio acabado de sair do forno são a companhia perfeita. Siga, depois, para a fritada de peixe do rio com migas de tomates (€ 8,20), uma das especialidades da casa, e se ainda tiver espaço, não saia em provar as enguias com batata cozida e pão frito. Termine com um clássico da casa: a mousse de chocolate caseira sem açúcar (€2,60).
Rua Cais de Tancos, 2-6, Tancos Tel. 249720100

Onde dormir
A Quinta Santa Bárbara, instalada num solar do século XV em Constancia, oferece algo de único: a possibilidade de dormir num local repleto de História e memórias. O respeito pelo legado desta que já foi a casa de D. Francisco Sampaio e Mello, um amigo de Camões, também está patente no arranjo dos espaços comuns, dos cinco quartos e duas suítes, e na decoração clássica com peças de mobiliário centenárias e exemplarmente preservadas. Tem piscina e um restaurante caseiro que serve refeições por encomenda.
Quinta de Santa Bárbara, Constância Tel. 249739214. Desde €65

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!