Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

XL Restaurante: 25 anos de um ícone de Lisboa

João Vieira da Rocha

Há 25 anos o XL era dos restaurantes mais sofisticados de Lisboa e onde todos queriam ir para ver e ser visto. Pela localização, junto à Assemblea da República, pelas mesas do restaurante cruzaram-se artistas, políticos, intelectuais e bon-vivants. Os famosos bifes e soufllés, que tanto furor fizeram naquela época, continuam ainda na ementa.

Totalmente inovador, este foi também o primeiro espaço de Lisboa a servir comida japonesa. “Há 22 anos já servíamos sushi, sashimi e tínhamos alguns pratos japoneses na carta”, lembra Vasco Gallego, o proprietário. Hoje continua assim. Com uma carteira muito fiel de clientes, um espaço de referência e com uma grande variedade de opções gastronómicas. A garrafeira é também digna de referência.

Em 25 anos de história, há muitos momentos e situações que marcaram o XL Restaurante (Calçada da Estrela, 57, Lisboa. Tel. 213956118) e o seu proprietário. “O primeiro XL era uma loucura inacreditável. Tinha 32 lugares sentados e como não servia almoços - na época não havia restaurantes que servissem até tarde, então optei por dois turnos à noite, o das 20h30 e o das 22h30 -, as pessoas ficavam em pé, à espera. Então, em dias de chuva, chegava mesmo a tornar-se caótico”, recorda.
“Muitas vezes saía de lá às 4h00, ia logo ao mercado e regressava ao restaurante às 7h00. Depois descansava um bocadinho e, às 14h00, já lá estava novamente a preparar as coisas para o jantar. Foram momentos intensos mas extraordinários, que nunca esquecerei na vida”, garante.

Ao longo deste quarto de século são muitos os momentos que deixaram marcas inesquecíveis. “Desde pessoas que nunca sonhei ver entrar por aquela porta, a ameaças de morte, por parte de um italiano, se não arranjasse mesa para ele”. No entanto, há um dia que, garantidamente, nunca esquecerá. Foi aquele em que o seu ídolo, o piloto de Fórmula 1, Emerson Fittipaldi, entra pela porta adentro. “Eu achava que estava a ter uma alucinação. Para mim era uma pessoa intocável, um Deus! Eu tinha todos os carros dele em miniatura”.

A paixão pela restauração começou muito cedo na sua vida. “Fiz alguns testes psicotécnicos, que davam sempre a área de hotelaria. Mas o meu pai, advogado, queria que os filhos seguissem os seus passos. Eu convenci-o a tirar o curso de solicitador, com a promessa de que, se gostasse, continuaria para Direito”, conta, “mas detestei e quando decidi fechar o escritório, resolvi abrir o primeiro XL, em 1994, na Rua de São Bento”. Passado ano e meio nasceu o “novo” XL, na atual morada.

Hoje, no XL restaurante pode experimentar para entrada, por exemplo, de entre as 24 existentes, Barriga de atum (toro) braseada com molho agengibrado (€12,20), Camarão da costa cozido em vapor com algas do mar (€12,40), Carpaccio de vitela (€12,40), Cogumelos recheados panados (€9) ou Camembert panado com molho de framboesa (€9).
Nas sopas pode escolher entre Vichyssoise com gambas (€7,60), Creme de espinafres com natas (€6,40) e Creme de alho francês (€5,90).

Os apreciadores de peixe podem deliciar-se com Bacalhau fresco com puré de trufa, funcho e batata (€22,20), Raia “au beurre noir”, com puré de batata (€23,90), ou Caril de gambas com arroz basmati (€19,10), entre outros.

Os bifes e soufflés continuam a ter grande destaque e variedade. Existem seis opções de soufflés, que vão desde o de peixe (€17,90), de bacalhau (€17,90) e o XL, de espinafres e queijo mozarella (€18). No "departamento" mais carnal, ou seja "Bifes", pode encontrar dez variedade de cortes e preparação, desde entrecôte ao lombo.
Mas, a ementa vai ainda mais longe na oferta: Croquetes de rabo de boi com puré de batata e trufa (€21,60), Bochechas de porco preto em vinho tinto e cebolinhas com puré de batata (€19,70) e Bife tártaro de vitela (€23,50).

De há dois anos a esta parte é Salvador, o filho do fundador, que está à frente daquele que foi um “sonho de miúdo” de Vasco Gallego. “Agora cabe-lhe a ele a tarefa de inovar e de manter a chama do XL acesa”.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!